Pesquisar Apaes

Você deseja ir para qual instituição Apae? Clique nas setas para visualizar as opções.

Estado

Unidade

História do Movimento APAEANO

Nascida no Rio de Janeiro, no dia 11 de dezembro de 1954, na ocasião da chegada ao Brasil de Beatrice Bemis, procedente dos Estados Unidos, membro do corpo diplomático norte-americano e mãe de uma portadora de Síndrome de Down. No seu País, já havia participado da fundação de mais de duzentas e cinquenta associações de pais e amigos, e admirava-se por não existir no Brasil, algo assim.

Motivados por aquela cidadã, um grupo, congregando pais, amigos, professores e médicos de excepcionais, fundou a primeira Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – Apae do Brasil.

A primeira reunião do Conselho Deliberativo ocorreu em março de 1955, na sede da Sociedade de Pestalozzi do Brasil. Esta colocou a disposição, parte de um prédio, para que instalassem uma escola pra crianças excepcionais, conforme desejo do professor La Fayette Cortes.

A entidade passou a contar com a sede provisória onde foram criadas duas classes especiais, com cerca de vinte crianças. A escola desenvolveu-se, seus alunos tornaram-se adolescentes e necessi-taram de atividades criativas e profissionalizantes. Surgiu, assim, a primeira oficina pedagógica de atividades ligadas à carpintaria para deficientes no Brasil, por iniciativa da professora Olívia Pereira.

 De 1954 a 1962, surgiram outras Apaes. No final de 1962, doze das dezesseis existentes, nessa época, encontraram-se, em São Paulo, para a realização da primeira reunião nacional de dirigentes apaeanos, presidida pelo medico psiquiatra Dr. Stanislau Krynsky. Participaram as de Caxias do Sul, Curitiba, Jundiaí, Muriaé, Natal, Porto Alegre, São Leopoldo, São Paulo, Londrina,Rio de Janeiro, Recife e Volta Redonda.

Pela primeira vez no Brasil, discutia-se a questão da pessoa portadora de deficiência com um grupo de famílias que trazia para o movimento suas experiências como pais,  em alguns casos, também como técnicos na área.

Para uma melhor articulação de suas ideias, sentiram a necessidade de criar um organismo nacional. A primeira ideia  era a formação de um Conselho e a segunda a criação da Federação de Apaes. Prevaleceu esta ultima que foi fundada no dia 10 de novembro de 1962, e funcionou durante vários anos em São Paulo, no Consultório do Dr. Stanislau Krynsky. O primeiro presidente da diretoria pro-visória eleita foi Dr. Antonio Clemente Filho.

Com a aquisição da sede própria a Federação foi transferida para Brasília. Adotou-se como símbolo a figura de uma flor ladeada por duas mãos em perfil, desniveladas, uma em posição de amparo e a outra de proteção.

A Federação, a exemplo de uma Apae, se caracteriza por ser uma sociedade civil, filantrópica, de caráter cultural, assistencial e educacional com duração indeterminada, congregando como filiadas as Apaes e outras entidades congêneres, tendo sede e fórum em Brasília –DF.

O Movimento logo se expandiu para outras capitais e depois para o interior dos Estados.

Hoje,  são mais de duas mil, espalhadas pelo Brasil. É o maior movimento filantrópico do Brasil e do mundo, na sua área de atuação.

É uma explosão de multiplicação, verdadeiramente notável sob todos os aspectos, levando-se em conta as dificuldades de uma País como nosso, terrivelmente carente de recursos no campo da Educação Especial.

Este crescimento vertiginoso se deu graças à atuação da Federação Nacional e das Federações Estaduais, que, seguindo a mesma linha filosófica da primeira, permitiram e incentivaram a formação de novas Apaes. Estas, através de congressos, encontros, cursos, palestras etc, sensibilizam a socie-dade em geral, bem como, viabilizam os mecanismos que garantam os direitos da cidadania da pessoa com deficiência no Brasil.

A Apae, vem a ser constituída, integrada por pais e amigos de uma comunidade significativa de alunos portadores de necessidades especiais, contando para tanto com a colaboração da sociedade em geral, do comércio, da indústria, dos profissionais liberais, dos políticos, enfim, de todos quantos acreditam, apostam e lutam pela causa da pessoa com deficiência.

 

A primeira APAE nasceu no Rio de Janeiro, no dia 11 de dezembro de 1954, na ocasião da chegada ao Brasil de Beatrice Bemis, procedente dos Estados Unidos, membro do corpo diplomático norte-americano e mãe de uma portadora de Síndrome de Down, que no seu país, já havia participado da fundação de mais de duzentas e cinquenta associações de pais e amigos; e admirava-se por não existir no Brasil, algo assim.

Motivados por aquela cidadã, um grupo, congregando pais, amigos, professores e médicos de excepcionais, fundou a primeira Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE do Brasil. A Federação das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais do Estado do Rio de Janeiro ou, abreviadamente, Federação das APAEs do Estado – FEAPAES RJ, foi fundada em uma Assembleia realizada em 06 de março de 1993, na cidade de Nova Friburgo. De acordo com a ata deste dia, tendo por secretária a Sr.ª Inês Santos da Silva, um dos itens discutidos foi a transformação da Vice-Presidência da “FENAPAES” em Federação Estadual, amparado pelo art. 50, IV, B, do Estatuto Social da FENAPAES, acrescentando nessa proposta pela Vice-Presidente, a criação de assessores quando transformado em Presidência Estadual, sendo aceita por 7 votos à favor e a dois contra, a transformando em Federação Estadual das APAEs do Estado do Rio de Janeiro. Valendo ressaltar que o vice – Presidente da Federação Nacional das APAEs – Região - RJ  era o SR. Antônio José da Silva Resende.

 

A eleição da diretoria para o biênio de 1993 a 1995, está registrada como um dos assuntos, na ata de 20 de setembro de 1993 em São João do Meriti, lavrada por Simone Garrido Esteves Fernando.

  Veja o andamento da eleição: “... José Jayme Santoro, presidente da mesa, colocou em votação a continuação dos trabalhos com eleição da diretoria da Federação Estadual, ou o encerramento destes trabalhos para que se aguarde o registre do Estatuto, quando então, seria marcado nova assembleia. SR. Camilo, Presidente da APAE de Arraial do cabo, defendeu a proposta de se eleger imediatamente a diretoria da Federação Estadual, o Sr. Afrânio, Presidente da APAE Volta Redonda, propôs a eleição de uma diretoria provisória, até uma nova assembleia. Sr. Percy Fellows (suplente do Conselho Fiscal da FENAPAE), propôs que seja eleita a diretoria executiva da Federação nesta assembleia, deixando para outra a eleição da diretoria executiva, por uma maioria de 22 APAES ( total de 29 estavam presentes).

 

  •  O presidente da mesa, leu a chapa única da diretoria com a seguinte composição:
  • Presidente – Antônio José da Silva Resende;
  • Vice – Presidente – Maria das Dores de Mello Pacheco;
  • 1 º diretor secretário – Wanderlei Sabino da Silva;
  • 2º diretor secretário – Rita Luziê;
  • 1º tesoureiro- Silvia Barros de Souza;
  • 2º tesoureiro – Marcio Gulart.
  •  
  • Foi proposto uma votação por aclamação, o qual foi aceita por todos.
  •  O conselho fiscal, composta por:
  •  efetivos – Antônio Camilo Rosa, Zenite da Silva; Carlos Alberto Alves;
  • suplentes – Jurema Francisca S. Nascimento; Afrânio Bastos; Maria do Carmo Dutra dos Santos.

 

 Foram portanto eleitos e empossados a diretoria e o Conselho Fiscal da Federação Estadual das APAEs do Estado do Rio de Janeiro, que terá sede provisória à Rua José de Carvalho, lote 34, Vila Tiradentes – São João do Meriti. O presidente da mesa, passou ao assunto seguinte que seria a eleição dos delegados e trouxe a proposta que estes sejam indicados pela região até 31/10/1993....”   Sendo que a ata de 30/10/1993, em reunião realizada na sede de São João do Meriti foi dito que: Devanice Maria é delegada da região do médio Paraíba, Joelma P. Fidalgo é delegada da região dos lagos, José Maria de Castro é delegada da região da Costa Verde e que como não tinham delegados para região serrana e Grande Rio, ficaram responsáveis respectivamente:  Maria das Dores e Antônio José da Silva.

O primeiro estatuto da FEAPAES RJ foi registrado dia 17/09/1993, em São João do Meriti, no qual definia a diretoria executiva com presidente, vice- presidente, 1º e 2º diretor secretário, 1º e 2º diretor tesoureiro e um procurador geral, sendo eleitos a cada 2 anos, exceto o procurador que seria nomeado e demitido “ ad nutum” pelo Presidente, diferente do modelo atual, já existia também desde então:  o conselho de administração, que era composto por todos membros quantas fossem as delegacias (regiões) do Estado, mas com mandato de 2 anos e o conselho fiscal com mesmo tempo de mandato.

 

Na ata de assembleia extraordinária da Federação, do dia 6 de maio de 1995, na Apae Nova Friburgo, foi registrada a eleição de 1995 a 1997, com chapa única, tendo a seguinte diretoria empossada:

 

  •  presidente – Antônio José da Silva Resende;
  •  vice – presidente – Maria das Dores de Mello Pacheco;
  • 1 º diretor secretário – Wanderlei Sabino da Silva;
  • 2º diretor secretário – Rita Luziê;
  • 1º tesoureiro- Silvia Barros de Souza;
  • 2º tesoureiro – Marcio Gulart.
  • O conselho fiscal, composta por:
  •  efetivos – Celso Luiz Irineiu, Zenite da Silva; Carlos Alberto Alves;
  • suplentes – Margareth Rose;  Afrânio Bastos e Hélvio Antônio.

 

Já na ata de 31 de maio de 1997, na APAE Itaperuna foi apresentado a inscrição de chapa única para o biênio de 1997 a 1999, eleita e aclamada :

 

  • Presidente: César Augusto Lourenço;
  • vice: Antonio José da Silva Resende;
  • 1º diretor tesoureiro: Leda Rocha da Silva;
  • 2º diretor tesoureiro: Wanderlei Sabino da Silva;
  • 1º secretario: Maria das Dores M. Pacheco;
  • 2º secretário: Carlos Alberto Alves;
  • O conselho fiscal, composta por:
  • efetivo – Armando Ramos, Iracema dos Santos e Nélia Almeida Oliveira
  • suplente: Sonia da Silveira Ribeiro, José Tadeu Dutra e Zenite da Silva;
  • Delegados, composto por:
  • Região sul fluminense – Marilene de Fátima da Silva,
  • Região serrana: Margareth Rossi,
  • Região norte: Maria Hélia Batista,
  • Região metropolitana : Simone Garrido Esteves,
  • Região médio Paraíba: Devanice Maria de Jesus Silva.

 

O mandato de 08/2001 a 07/2003, de acordo com a ata de 18/05/2001, em assembleia realizada em Iguaba Grande, ficou constituído:

 

  •  Presidente: Margareth Rosi;
  •  vice: Inês dos Santos Silva ;
  •  1º diretor tesoureiro Sérgio de Oliveira;
  • 2º diretor tesoureiro: Victor Brasil Cardoso;
  •  1º secretario: Homero Exposto Silva;
  • 2º secretário: Lenita Teixeira  Durval;
  • Conselho fiscal, composto por:
  •  efetivo – José Cândido Maes Borba, Enir da Silva Graça e Jorge Henrique da Silva
  •  suplente: Lourdes Therezinha J. Azevedo, Jocélia Fontes Guimarães e Margareth Mangueira Gomes;
  •  Delegados, composto por:
  •  Região noroeste: Maria Aparecida de O. Resende;
  • Região serrana: Maria Elizabeth Rosa;
  • região norte: Ubertinelle Ivan Monteiro da Silveira,
  •  região metropolitana : Zenite de Castro ( ata de 05/05/2002)  ;
  • baixada litorânea: Antônio Camillo Rosa  ( ata de 05/05/2002);
  • médio Paraíba: Devanice Maria de Jesus ( ata de 05/05/2002) .

 

 De 2003 a 2005, a chapa eleita por maioria absoluta, que tomou posse dia 1º/08/2003 foi :

 

  • Presidente: Tânia Maria Lessa Athayde; 
  • vice: Margareth Rossi ;
  • 1º diretor tesoureiro : Ilmar  Barreiros Soares;
  • 2º diretor tesoureiro: Zenite da Silva;
  • 1º secretario: Lourdes Therezinha Jardim;
  • 2º secretário: Paulino Leal Cardoso;
  • procurador Geral: Delton Pedroso Bastos;
  • Conselho fiscal, composto por:
  • efetivo – Cláudio Reis de Azevedo, Nancy de Azevedo e Eny da Siva Graça
  • suplente: Soeli Soares, Martinho Frauk e Nilvia Coutinho, segundo ata de 16/05/2003.
  • Conselho de administração, composto por:
  •  Região noroeste: Maria Aparecida de O. Resende;
  •  Região serrana: Sandra Maria Toledo;
  • região norte: Ubertinelle Ivan Monteiro da Silveira,
  • região metropolitana : Inês dos Santos Silva ;
  • região centro sul fluminense: Élder de Mattos Ázara 
  • Médio Paraíba: Devanice Maria de Jesus ( ata de 6/12/2003),
  • região da baixada litorânea: Ângela Barroso (ata de 27/07/2004)   ;
  • região metropolitana II: Roseane Barbosa ( ata de 27/07/2004)  
  • região do litoral sul: Ilmar Barreiros( ata de 27/07/2004). 

 

O mandato seguinte foi eleito por chapa única, constando na ata do dia 14/10/2005:

 

  • Presidente: Tânia Maria Lessa Athayde; 
  • vice: Sandra Maria Toledo ;
  • 1º diretor tesoureiro : Ilmar  Barreiros Soares;
  • 2º diretor tesoureiro: Devanice Maria de Jesus;
  • 1º secretario: Lourdes Therezinha Jardim;
  • 2º secretário: Warina Lopes da Cunha;
  • diretor social: Ângela Barroso;
  • Conselho de administração, composto por:
  •  Região noroeste: Maria Aparecida de O. Resende;
  • Região serrana: Margareth Rossi;
  • região norte: Ubertinelle Ivan Monteiro da Silveira,
  • região metropolitana I : Inês dos Santos Silva ;
  • região centro sul fluminense: Élder de Mattos Ázara 
  • médio Paraíba: José Tadeu Dutra,
  • região dos lagos: Leola B de Araújo;
  • região metropolitana II: Roseane Barbosa e região do litoral sul: Valmir Soares .

 

Na ata do dia 09/10/2008 a chapa eleita para 2009 – 2011, foi :

 

  •  Presidente: Delton Bastos,
  •  vice: Inês Santos da Silva,
  • 1º secretária: Rosane Barbosa,
  •  2º secretária: Maria Regina da Costa,
  • 1º diretor financeiro: Élder de Mattos,
  • 2º diretor financeiro: José Luis Seabra Barbosa;
  •  diretora social: Maria Luzia Borges do Amaral;
  •  
  •  Conselho Fiscal, composto por:
  • titular: Sebastião de Carvalho Rosa, Emília de Souza Barbosa e Diocendino Rosa,
  • suplente: Adalto Eccard, Eliane Gambarine e Sebastião Gomes Campos.
  •  Conselho de Administração, composto por:
  • litoral sul: Helena Aparecida de Almeida; 
  • metropolitana I Maria Aparecida M. Nascimento,
  • metropolitana II: Valdéa Regis;
  • médio Paraíba: José Tadeu Dutra;
  • serrana: Maria das Dores Mello,
  • centro sul: Luiz Fernando de Almeida;
  • baixada litorânea : Débora Dutra e
  • noroeste: Maria Aparecida O. Resende,

Porém ao decorrer houveram modificações. Não tinha ninguém na região norte.

 

A chapa de 2012-2014, após modificações é a seguinte:

  • Presidente: Delton Bastos,
  •  vice: Inês Santos da Silva,
  • 1º secretária: Cecília Helena de Souza,
  • 2º secretária: Maria Aparecida M. Nascimento,
  • 1º diretor financeiro: Sebastião Rosa,
  • 2º diretor financeiro: José Luis Seabra Barbosa;
  • diretora social: Débora Dutra ;
  • Conselho Fiscal , composto por:
  • titular: Emília de Souza Barbosa, Hélio Torres e Wilma Lúcia da Silva,
  • suplente: Luzia Gomes, Maria das Dores Mello e Acir Evaristo da Silva.
  • Conselho de Administração, composto por:
  • sul: José Tadeu Dutra;
  • metropolitana I : Valdéa Regis,
  • metropolitana II: Vanderlei Sabino;
  • serrana: Sandra Maria Toledo;
  • centro sul: Márcia Gomes Brites;
  • Lagos : Diocendino Rosa Frota;
  • noroeste: Rubens de Carvalho
  • norte: Antônia Maria V. Nogueira.

 

Desde sempre, buscando inserir cada vez mais a voz dos autodefensores do movimento, tendo por missão a defesa dos interesses seus e de seus representados, que vem acontecendo de forma excelente, através de seminários feitos com eles, encontros e o espaço do autodefensor na revista. Nesses mandatos,2009-2012, primeiramente estivemos lutando pelos direitos da Pessoa com Deficiência através dos autodefensores Douglas Angra – São João do Meriti e Cibely Pereira – Rio das Ostras, suplentes Edmar Brum – Mendes e Renata Gomes – Belford Roxo e hoje temos: Ezequiel Simas – Búzios e Renata dos Santos – Belford Roxo com titulares e Cibelly Pereira – Rio das Ostras e Uhaitnei Januário _ Pinheiral como suplentes, também Antônio José Athayde e Hugos Neves como Coordenadores.

O  Estado do Rio ainda criou a  letra e música do hino das APAEs, que vem sendo aceita e elogiada pelos outros Estados, através de Moisés Pereira dos Santos, com a contribuição do Presidente,  Delton Bastos.

 

 A chapa de 2015-2017 é composta por:

 

  • Diretoria Executiva:
  • Presidente : Hélio Torres da Silva
  • Vice – Presidente : Débora Dutra Reis de Souza
  • 1º Diretor Financeiro: Diocendino Rosa Frota
  • 2º Diretor Financeiro: Maria Aparecida Moreira Nascimento
  • 1º Diretor Secretário: Delton Pedroso Bastos
  • 2º Diretor Secretário: Inês dos Santos da Silva
  • Diretor Social:  Maria Nilza Miquelotti Cecilio de Carvalho
  • Diretor de Patrimônio: Silvana Coutinho Carvalho
  • Diretor de patrimônio II: Márcia Serra Gomes Brites
  • Conselho Fiscal Titular:
  • Emília de Souza Barbosa
  • Valdea Regis Cardoso
  • Wilma Lucia da Silva Santos
  • Conselho Fiscal Suplente:
  • Cláudia Moreira Dornellas
  • Maria José Cabral da Silva
  • Acir Evaristo da Silva
  • Conselho Administrativo
  • Região  centro sul:
  • titular -  Milson Manoel Brites
  • suplente -  José Ricardo B. Sampaio
  • Região Metro I:
  • Titular: Hélvio Antônio Neves Donim
  • Suplente: Rita de Cássia Faria Farret
  • Região Metro II:
  • Titular: Wanderley Sabino da Silva
  • Suplente: Denison Albino de Novaes
  • Região dos Lagos:
  • Titular: Kely Cristina de Oliveira Soares
  • Suplente: Elenice Martinet de Oliveira
  • Região Noroeste:
  • Titular: Rubens de Carvalho
  • Suplente: Denyse Maria Tostes Padilha
  • Região Serrana:
  • Titular: Maria das Dores M Pacheco
  • Suplente: Sandra Maria Jardim T. Silva
  • Região Sul:
  • Titular: José Tadeu Dutra
  • Suplente: José Darci da Silva
  • Região Norte:
  • Titular: Gerlane Gonçalves de Oliveira
  • Suplente: Denise Alves Giró

 

Chapa Eleita Triênio de 2018-2020

 

  • Diretoria Executiva
  • Presidente: Sr. Hélio Torres da Silva,
  • Vice-Presidente: Sra. Maria Aparecida Moreira Nascimento,
  • 1º Diretora Secretária: Sra. Regina Aparecida Lobo de Carvalho,
  • 2º Diretor Secretário: Sr. Rubens de Carvalho,
  • 1º Diretor Financeiro: Sr Diocendino Rosa Frota,
  • 2º Diretora Financeira: Sra. Elenice Martinet de Oliveira,
  • Diretora de Patrimônio: Sra. Márcia Cristina de Oliveira Azevedo,
  • 1º Diretor Social:  Sr. Luiz Gustavo Carvalho de Souza,
  • 2º Diretora Social: Sueli Pereira da Costa,
  •  Conselho Fiscal Titular:
  • Emília de Souza Barbosa
  • Valdea Regis Cardoso
  • Wilma Lúcia da Silva Santos,
  • Conselho Fiscal Suplente:
  •  Itacir Campos Mendes,
  • Guilherme Ribeiro Fonseca,
  • Vera Lucia de Almeida Pôrto,
  • Conselho de Administração
  • Região METRO I – Helvio Antonio Neves Donin (titular),
  • Norma Correa Pires (suplente),
  • Região METRO II – Maria Eleonora Nogueira Calixto (titular
  •  Gleice Kelly Olegario da Silva (suplente),
  • Região SERRANA – Maria das Dores Mello Pacheco (titular),
  • Margareth Rosi Veiga dos Santos Ramos (suplente),
  • Região CENTRO SUL – Nilson da Conceição Moura (titular),
  • Região SUL – Cláudia Moreira Dornellas (titular),
  • Aurelino Gama (suplente),
  • Região LAGOS: Kely Cristina de Oliveira Soares (titular),
  • Elço Vieira dos Santos (suplente
  •  Tatiane de Souza Araújo Costa (suplente),
  • Região NOROESTE: Maria Eli Resende Poeys (titular),
  • Terezinha de Fátima Silva Faria (suplente),
  • Região NORTE: Gerlane Gonçalves de Oliveira (titular),
  • Alcenir Azevedo Ribeiro (suplente)

Endereço:
Rua XV de Novembro, nº 394 • Três Rios • RJ
E-mail:
[email protected]
Telefone:
(24) 22555082